sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Saudades Meu Snoopy!












Era para ser um fim de tarde alegre!
Porém, uma ligação, uma pergunta fez meu dia terminar negro!
_ Olá irmão! Como vai você?
_ Estou bem, graças a Deus!
Conversa vai, conversa vem, a próxima pergunta que sempre era feita:
_ Como tá Snoopy?
_ Juca! Contando, você não acredita!...
_ Que foi?
_ Domingo, o cachorro passou o dia todo bem. Alegre, aprontando todas como só ele sabia aprontar. Dei comida e fomos dormir. Segunda-feira pela manhã, deixei ele bem de mais, na mesma alegria de sempre!. Mas a tarde, quando cheguei do trabalho, estranhei ele não vim ao meu encontro e quando fui a casinha dele, ele tava lá estirado!... Estava morto!
Confesso à vocês que perdi meu chão! Tentei acreditar que não fosse verdade, que era alguma brincadeira, mas infelizmente não era. Alguém, havia jogado algo para ele comer, já que ele não vivia solto e muitos invejavam ele. Por onde passávamos, todos paravam. brincavam com ele. Queriam um filhote dele. Mas algum coração perverso, interromperam, o ciclo de vida do meu Snoopy!












Voltei pra casa e no caminho, apenas as lembranças!
Doces lembranças de um Cachorro Amigo!
Um amigo que me entendia mesmo no meu silêncio!
Que compreendia o meu olhar,
O meu toque de mãos!
Um amigo que mesmo com sua pequena deficiência especial, ainda assim, me compreendia como ninguém!
Olhar para o espaço que antes ele ocupava só aumenta meu vazio!
Já chorei tanto,
Já solucei,
Já perdi o controle ainda que por instantes envolto em lágrimas,
Mas do que adianta, se ele não voltará mais!
















Agora, só me pergunto mesmo sem obter respostas:
O que vou fazer sem você Snoopy?
Como serão meus dias sem você aqui?
Quem vai ouvir meus medos,
Minhas incertezas?
Meus lamentos?
Quem negão?
Porque isso precisou acontecer?
Porque fizeram tamanha maldade contigo?
Quisera eu poder ter feito algo por ti,
Mas o coração de alguns é perverso e macabro... 
Não sabem o que é amar,
Não sabem a importância de se ter um amigo como você!































Olho para sua fotos,
Meu coração dói,
Parte...
Sou capaz de sentir sangrando de dor,
De saudades de ti,
Do teu amor,
Da tua companhia!
Meus olhos queimam e por mais que eu queira controlar,
Não vejo como meu nego!

Quanta Saudade você tá deixando,
Quanta dor...!
O que me alegra mesmo em meio a esta dor,
É que você experimentou o amor,
Você foi bem cuidado,
Foi amado e retribuiu tudo isso,
Alegrando nossas vidas!

Quisera eu poder fazer um pedido aos céus,
Então, eu diria:
"Deus, traz Snoopy de volta!
Mesmo tendo sua deficiência auditiva,
Traga ele de volta!
Ele me ouvia,
Me compreendia!
Ele me ensinou tantos valores,
Tantas coisas boas...
Ele me ajudou a me tornar uma pessoa melhor!
Ele me livrou de depressão,
Ele foi meu fiel amigo,
Meu fiel companheiro!
Foi ele que inúmeras vezes me viu chorando
E mesmo sem compreender,
Estava ali tentando me alegrar,
Tentando me ajudar!
Ele também foi minha felicidade... E eu o amo sem medida!"

Mas, ele não mais voltará...
Fica aqui,
O meu amor por ti
E minha homenagem e só peço ao Senhor que renove minhas forças
Para poder continuar vivendo sem ti!

Te amo meu nego!
Meu coração chora sentido tua falta!
Te amo!

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Lançamento do meu I Livro "Doce aroma de Poesia!"

Convite Especial...  Lançamento do Meu I Livro de Poemas e Poesias... "Doce a...