segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Minha vida em poemas


Vou transformar minha vida em poemas

Porque sem receio não serei limitado.

Falarei do que me alegra

Ou me aflige sem preocupar-me com nada

Ou com tudo que me faz ficar em silêncio...


Falarei da dor que perturba minha alma

E me faz regressar

Quando deveria prosseguir

Mesmo sabendo que o amanhã é incerto e não me pertence!

Falarei dos meus passos incertos

Em busca de algo que pensei ser minha felicidade...

Estou certo?

Não sei.

Errado?

Talvez!

Mas mesmo distante

Espero encontrar-me comigo mesmo e ver se valerá a pena

Abrir mão de tudo...

Tudo,

Tudo que poderia mudar minha vida

Meu destino... Por medo,

Medo de algo que me fez prisioneiro

Que é mais forte que eu

E me domina por completo!

Portanto...

Vou transformar minha vida em poema

Pra ver se vale a pena viver por ti!


Joselito Nascimento Otílio
(12.09.08)(08h e 48min

Um comentário:

J.F.AGUIAR disse...

Joselito, belo poema!!! nos fala
à alma; que o Senhor o inspire
sempre para nos presentear com o seu talento.

Postagem em destaque

Lançamento do meu I Livro "Doce aroma de Poesia!"

Convite Especial...  Lançamento do Meu I Livro de Poemas e Poesias... "Doce a...