domingo, 7 de fevereiro de 2010





Tua graça


Muitas vezes

acontecem coisas

Que parece não ter importância,

Mas após as reflexões

Chegamos à conclusão

Que nada é por acaso

E para tudo há explicações!

Somos tão insensíveis

Com tudo que há a nossa volta

Que nem se quer paramos para imaginar

Que o milagre da vida está apenas em estarmos vivos

E que a cada desabrochar das flores

O orvalho que cai sobre as folhas

O cintilar das estrelas

O brilho intenso da lua

O crepúsculo da tarde

Quando ele se recolhe para que a luz faça seu lindo espetáculo...

Logo vemos a mão do Criador

Estendida sobre tudo e sobre todos

Até mesmo para os que se julgam imortais!

Que amor é este Meu Deus

Que em meio ao corre corre da vida

Ainda assim está nos guiando

Nos protegendo!?

Faça-me entender

Que a tua graça nos basta e

Tua presença é o meu prazer!


Joselito N. Otílio

Camamu_BA EM 28.07.07 Às 18h e 21min.


3 comentários:

sullamita dos santos soares disse...

Amei esse poema, fala muito sobre um pouco do que estou vivendo.Deus abencoe!

J.F.AGUIAR disse...

Joselito, você falou sobre a graça
de Deus, Seu amor: incomparável.texto Belo!!!
continue... muitos precisam ouvir.

J.F.AGUIAR disse...

Joselito, você falou sobre a graça
de Deus, Seu amor: incomparável.texto Belo!!!
continue... muitos precisam ouvir.

Postagem em destaque

Lançamento do meu I Livro "Doce aroma de Poesia!"

Convite Especial...  Lançamento do Meu I Livro de Poemas e Poesias... "Doce a...