sábado, 6 de fevereiro de 2010




















Minha inspiração maior

Por muito tempo escrevo sem limites
Porque foi a forma que encontrei de expelir meus sentimentos
De deixar exalar do meu ser
O que penso
E o que mais eu desejo!

E assim...
Escrevendo... O tempo vai passando de forma destemida
Exacerbada.
Porém,
Minha inspiração não cessa
Não passa
E dando asas a minha imaginação
Vou soltando ao vento em todo o tempo
Em qualquer hora e em qualquer lugar
Mas continuo escrevendo meus poemas!


Contudo,
O tempo continua correndo
Passando apressadamente
E alguns curiosos começam a mim questionar:
Por que escrever tanto?
De onde vem toda esta inspiração que te faz escrever compulsivamente?
Quem está por trás de tudo isso,
Dessa paixão avassaladora
Desse amor que consome como um vulcão em chamas?
Me diz:
Quem é tua inspiração maior!?

E em meio a risos sem graça
A palavras desajeitadas
Vou balbuciando loucuras a fim de convencê-los que
Apenas sou um louco que vejo poesia em pedras
Que vejo lágrimas nas gotas da chuva que deságuam molhando a terra
Que sinto o calor do amor através do sol e da lua transformando-se num eclipse
Onde os curiosos apenas observam com intenções científicas
Enquanto os poetas podem ver casais enamorados juntos
Sem temer a ninguém...!

Porém...
Eu não conto que mesmo diante de tantas observações
Minha inspiração maior é você!
Talvez eu não veja nada que há ao meu redor
Apenas você
E assim vou te transformando em verso e prosa
Afim de que um dia você possa me enxergar
E descobrir que sempre te amei com todo o meu ser!

Joselito Nascimento Otílio
CAMAMU-BA
Em: 05 de fevereiro de 2010
Às 22h e 45min. Mais ou menos!

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Lançamento do meu I Livro "Doce aroma de Poesia!"

Convite Especial...  Lançamento do Meu I Livro de Poemas e Poesias... "Doce a...